3 de julho de 2022 - 17:19

HomeDESTAQUES DO DIAItália perde da Macedônia do Norte e está fora da Copa; Portugal...

Itália perde da Macedônia do Norte e está fora da Copa; Portugal segue na briga

Atual campeã europeia, a Itália está fora da Copa do Mundo do Catar, ao perder para a Macedônia do Norte, em Palermo, nesta quinta-feira, pela repescagem, por 1 a 0. Com isso, os tetracampeões não vão disputar o Mundial pela segunda vez consecutiva, pois ficaram de fora também da disputa na Rússia em 2018.

A surpreendente Macedônia do Norte vai disputar na terça-feira, no Porto, uma vaga na Copa com Portugal de Cristiano Ronaldo, que passou também com muitas dificuldades pela Turquia, por 3 a 1, na cidade do Porto.

A Itália demorou para ter uma boa produção em casa. O time do técnico Roberto Mancini acordou apenas depois dos 20 minutos, quando Dimitrievski saiu jogando errado e Berardi só não fez o primeiro gol porque chutou muito fraco e permitiu a recuperação do goleiro da Macedônia do Norte.

A partir daí, os italianos, mesmo bastante nervosos, pressionaram e o goleador Immobile perdeu pelo menos duas belas oportunidades para marcar ates do intervalo.

O segundo tempo foi disputado em clima muito tenso. Os italianos se irritavam a cada oportunidade perdida por Berardi, enquanto a Macedônia do Norte demonstrou uma determinação incrível para marcar as jogadas italianas.

A Itália ficou no campo de ataque até o fim, mas foi castigada aos 47 minutos, quando Trajkovski arriscou de longe para abrir o placar, deixando os italianos desesperados.

SUFOCO NO PORTO

Atuando em casa, Portugal foi incansável no primeiro tempo. Com Cristiano Ronaldo participando de todas as jogadas de ataque, os portugueses atacaram o tempo todo e sufocaram a Turquia em seu campo.

Com isso, o primeiro gol não demorou muito para sair. Aos 15 minutos, Otavio aproveitou o rebote de uma finalização na trave de Bernardo Ramos para abrir o placar.

A desvantagem fez os turcos se abrirem e Kutlu e Kokcu levaram muito perigo à meta de Diogo Costa. As chances criadas pelos visitantes só fizeram Portugal manter o ritmo ofensivo cada vez mais forte.

Aos 42, após jogada com participação de todo o ataque de Portugal, Diogo Jota, de cabeça, fez o segundo gol português para delírio da torcida no Estádio do Dragão.

O segundo tempo foi totalmente diferente. Os turcos vieram mais agressivos e dispostos a equilibrar a disputa. Mesmo assim, Portugal era mais perigoso. Mas aos 20 minutos, em bela tabela, Under serviu Burak Yilmaz entre a zaga portuguesa: 2 a 1.

Daí até o final a disputa foi eletrizante. Portugal não abdicou do ataque, enquanto a Turquia lutou muito em busca do empate. E a oportunidade surgiu quando Jose Fonte fez pênalti em Enes, que o árbitro só viu com a ajuda do VAR. Mas Burak Yilmaz bateu por cima do travessão.

Com a perda do pênalti, os turcos também perderam o entusiasmo e Portugal aproveitou para fazer o terceiro gol, aos 48 minutos, com Matheus Nunes.

Outro país que se mantém na briga por um lugar no Mundial do Catar é o País de Gales, que eliminou a Áustria, por 2 a 1, com dois gols de Gareth Bale. O primeiro, de falta, foi um golaço. Agora os galeses aguardam o vencedor doe duelo entre Escócia e Ucrânia, que só vai ocorrer em junho por causa do conflito com a Rússia.

Já a classificação da Suécia só veio na prorrogação, após empate sem gols com a República Checa. O único gol da partida saiu aos cinco minutos da segunda etapa do tempo extra, marcado por Quaison. Os suecos vão enfrentar a Polônia, que não precisou disputar a primeira fase da repescagem por causa da eliminação da Rússia por causa da guerra contra a Ucrânia.

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS