24 de setembro de 2021 - 17:49

HomeDESTAQUES DO DIAAssaltante afirma estar 'com o diabo no corpo' durante roubos em série

Assaltante afirma estar ‘com o diabo no corpo’ durante roubos em série

Quatro homens e dois adolescentes assaltaram oito pessoas em sequência na subida de uma trilha localizada na Estrada da Caixa D’água, no bairro Balneário Praia de Pernambuco, em Guarujá. O caso aconteceu na tarde deste domingo (27). Uma das vítimas que não teve o celular levado conseguiu acionar a Polícia Militar. Três homens foram presos e dois menores infratores foram recolhidos. O quarto criminoso adulto conseguiu fugir. Durante a ação criminosa, um dos assaltantes afirmou que “estava com o diabo no corpo” e que iria matar uma das vítimas.

Os criminosos cometeram três assaltos em sequência. No primeiro deles, por volta das 15 horas, renderam duas vítimas e, de forma muito agressiva, segundo as vítimas, exigiram os pertences mediante grave ameaça com arma de fogo. A todo o momento, os bandidos afirmavam: “vou te matar!”, “vou te dar um tiro!” e “estou com vontade matar alguém hoje!”. Além das ameaças a todo o momento, os criminosos ficavam revezando o uso das armas de fogo.

Com as duas vítimas rendidas, os assaltantes se dividiram e iniciaram o segundo roubo na área. Eles abordaram mais cinco pessoas que estavam na trilha e utilizaram o mesmo modus operandi. As vítimas relatam que os bandidos se comunicavam por ligação telefônica. Neste roubo, além das ameaças citadas anteriormente, um dos bandidos disse que ‘estava com o diabo no corpo e que iria matar um deles’. Deste grupo, os bandidos exigiram a chave do carro que usaram para tentar fugir.

No terceiro assalto, a vítima, um homem, relata que viu uma das mulheres rendidas no crime anterior deitada no chão e se aproximou para prestar socorro. Neste momento, um dos criminosos percebeu a aproximação do homem e o rendeu. Os assaltantes ordenaram que ele se ajoelhasse e virasse de costas. Ele relatou ter ouvido um disparo.

Ao término das ações criminosas, os bandidos haviam subtraído oito celulares (sete com as vítimas e mais um que estava no veículo), alianças de ouro, um cordão de pescoço, um boné, um anel de prata, uma corrente de prata, três relógios, documentos das vítimas, cartões de banco, além do veículo: um Honda Fit prata.

Porém, sem que os bandidos percebessem, uma das vítimas do segundo assalto conseguiu esconder um telefone celular e a acionou a Polícia Militar.

Os policiais interceptaram os bandidos na descida da trilha. Eles demonstraram nervosismo ao perceberem a chegada dos PMs. Após ordem de parada, o motorista do veículo desceu do carro e durante a fuga atirou contra os policiais, que revidaram. Ninguém se feriu e o criminoso conseguiu fugir adentrado a mata fechada.

Os outros cinco ocupantes do veículo se deitaram no chão e com um dos três adultos a polícia encontrou um revólver calibre 32. Com os dois menores infratores, um simulacro de arma de fogo.

Eles foram prontamente reconhecidos pelas vítimas. Os três homens foram presos em flagrante por roubo e corrupção de menores. Os dois jovens infratores foram recolhidos e ficaram à disposição da Justiça.

 

 

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS