23 de abril de 2024 - 05:55

HomeDESTAQUES DO DIAPrefeitura de Iguape inicia Operação Fumaçê para combater a Dengue

Prefeitura de Iguape inicia Operação Fumaçê para combater a Dengue

A Prefeitura de Iguape está dando início à operação fumacê para combater a proliferação do Aedes aegypti, mosquito responsável pela transmissão de dengue, zika e chikungunya. A ação busca frear a proliferação do Aedes aegypti.

Começando pelo bairro do Rocio, equipe e veículo já percorrem ruas e casas. Pelo serviço especializado de dedetização para controle do Aedes Aegypti, incluindo quatro operadores de bombas costais, produto e apoio de veículo, a Prefeitura está pagando R$ 152,4 mil à empresa contratada, em recursos próprios do Município.

O produto usado é o inseticida Cielo, aprovado pela Anvisa. O produto é eficaz, uma vez que quebra a resistência do mosquito, interrompendo a cadeia de transmissão, além de ficar mais tempo no ar (cerca de três horas) e não apresentar cheiro, evitando com isso irritações.

Diante da operação fumacê no município, algumas precauções devem ser tomadas para garantir a segurança de todos.

Prepare a sua casa, tomando as seguintes providências:

• Guarde em lugares fechados ou cubra os alimentos, água e utensílios da cozinha.
• Retire as roupas limpas e/ou penduradas no varal (mesmo molhados) e guarde-as em local fechado.
• Cubra os alimentos e bebedouros dos animais domésticos, assim como gaiolas com passarinhos.
• Retire ou mantenha levantadas as roupas de camas e toalhas de mesa.
• Mantenha abertas portas, janelas, cortinas e box do banheiro para facilitar a entrada do inseticida.
• Durante a aplicação do inseticida, permaneça na calçada com crianças, pessoas idosas e animais de pequeno porte, só retornando 30 minutos após o término da aplicação do inseticida.
• Pessoas doentes ou acamadas deverão ser mantidos em quarto com portas e janelas fechadas, por 30 minutos, após a aplicação do inseticida.

O inseticida pulverizado elimina apenas os mosquitos que estiverem em sua casa no momento da aplicação. É importante ressaltar que, apesar da ação, o empenho de todos de forma a evitar a reprodução de novos mosquitos continua sendo essencial, e a melhor estratégia de combate ainda é a prevenção.

O quadro da dengue em Iguape, até terça-feira (27/2), é o seguinte: 566 atendidos, 566 testes realizados, 346 negativos e 220 positivos.

Diário do Ribeira 

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS