14 de abril de 2024 - 04:26

HomeBRASILCaixa libera R$ 3,9 bilhões em crédito para micro e pequena empresa

Caixa libera R$ 3,9 bilhões em crédito para micro e pequena empresa

A Caixa Econômica Federal retoma nesta semana a linha de crédito destinada a MEIs (microempreendedores individuais), micro, pequenos e médios empresários. Serão disponibilizados R$ 3,9 bilhões para empresas com renda bruta anual de até R$ 300 milhões.

É possível emprestar entre R$ 5.000 e R$ 5 milhões, conforme faturamento e análise de crédito, para pagar em até 60 meses, com possibilidade de até 12 meses de carência.

Segundo a Caixa, esta linha de crédito é isenta de tarifa de contratação e de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). A contratação pode ser solicitada nas agências do banco e por meio dos escritórios da Rede de Atacado da Caixa.

Para empresários que já tenham contratado empréstimo com garantia do FGI (Fundo Garantidor para Investimentos) a partir de 2022, o valor máximo irá considerar as operações anteriores, conforme regras do fundo.

Os recursos são disponibilizados na forma de capital de giro sem destinação específica, podendo ser aplicados em investimentos, aquisição de máquinas e equipamentos, despesas operacionais, pagamento de salário de empregados, compra de matérias-primas, mercadorias, entre outros.

Newsletter Folha Mercado Receba no seu email o que de mais importante acontece na economia; aberta para não assinantes. ***  Parceria com associações comerciais Em convênio firmado nesta terça (11) com a CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil), a Caixa prometeu uma redução em até 33% nas taxas de juros para micro e pequenos empresários.

Segundo o banco federal, mais de 2,1 milhões de empresas poderão ser beneficiados pelo acordo.

“Para as empresas associadas, as linhas de capital de giro estão disponíveis para contratação com taxas a partir de 1,21% a.m. e os investimentos para compra de máquinas e equipamentos podem ser contratados com taxas a partir de 1,34% a.m.. O banco oferece ainda condições diferenciadas no Cheque Empresa”, afirma a Caixa, em nota à imprensa.

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS