19 de abril de 2024 - 19:52

HomeDESTAQUES DO DIACONSAÚDE e CODIVAR debatem etapas da Usina Móvel de Resíduos de Construção...

CONSAÚDE e CODIVAR debatem etapas da Usina Móvel de Resíduos de Construção Civil

O diretor-superintendente do CONSAÚDE Rildo de Jesus Nantes da Cunha, a diretora administrativa Bianca Palfi, o diretor financeiro Marcos Ponsone e o procurador jurídico Adilson Guimarães, em reunião com o Superintendente do CODIVAR Newton Sioia e a representante da Câmara Técnica do Codivar Daniella Cristina Batista, discutiram novos encaminhamentos da Usina Móvel de Resíduos de Construção Civil (RCC). A segunda rodada de conversas sobre o RCC aconteceu nesta quarta-feira (15), na sede do CONSAÚDE.

A operacionalização da Usina Móvel será feita em parceria entre CONSAÚDE e CODIVAR, um serviço que estará à disposição dos municípios consorciados. Durante a reunião, foram discutidos a elaboração do plano de cooperação entre os dois consórcios, levantamento da parte documental, operacional e de custos do RCC. A previsão é que até dia 19 de abril o CONSAÚDE receba a Usina Móvel.

O CONSAÚDE já adquiriu o cavalo mecânico para funcionamento da Usina Móvel de Resíduos de Construção Civil (RCC), verba proveniente da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA). Todo o projeto é financiado pelo Governo do Estado. A usina móvel tem a função de triturar todo o entulho da construção civil, transformando-o em brita que as prefeituras poderão utilizar em recuperação de ruas e estradas, beneficiando os municípios consorciados.

Para o diretor-superintendente do CONSAÚDE Rildo de Jesus Nantes da Cunha, a Usina Móvel de Resíduos de Construção Civil é um ganho para os municípios que fazem parte do CONSAÚDE e CODIVAR. “O RCC é um avanço para o Vale do Ribeira e todos os municípios consorciados. É um serviço que visa ao cuidado com o meio ambiente e representa o desenvolvimento sustentável”, disse o diretor-superintendente.

O Presidente do Consórcio e prefeito de Miracatu Vinicius Brandão acompanha de perto os passos do projeto. “A saúde e o meio ambiente do Vale do Ribeira estão se desenvolvendo cada vez mais com projetos focados em sustentabilidade. Vamos sempre em busca do melhor para a região e a população”, finalizou Brandão.

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS