16 de agosto de 2022 - 21:49

HomeESTADOTaboão da Serra e região já registram 12 casos da varíola dos...

Taboão da Serra e região já registram 12 casos da varíola dos macacos

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo até o levantamento realizado no dia 27 de julho as cidades de Taboão da Serra, Embu das Artes, Itapecerica da Serra e Embu-Guaçu somavam juntas nove casos da varíola do macaco. Cotia, também na região, já soma três casos da doença.

Na região, Taboão da Serra foi a primeira cidade a registrar casos da doença. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde um dos casos se refere a um homem de 29 anos, com histórico de viagem para Portugal recente. Ele foi atendido na UPA Akira Tada em Taboão da Serra.

O segundo caso confirmado em Taboão da Serra é de um homem de 53 anos, ele foi atendido em uma unidade de saúde de São Paulo. Ambos estão bem, em isolamento residencial e estão sendo acompanhados. Nesta terça-feira, dia 2, a prefeitura afirmou que desde então não foram mais contabilizados novos casos.

De acordo a prefeitura de Taboão da Serra, a secretaria de saúde criou um plano de ação para atender os casos de varíola dos macacos. “Através da Vigilância Epidemiológica, a Gestão Municipal está preparada para atender os casos de Monkeypox e elaborou um Plano de Ação. O diagnóstico é rápido e o resultado sai em dois dias”.

A prefeitura ainda informou que “os casos em investigação e confirmados seguirão o protocolo de isolamento que pode ser residencial ou no hospital, além dos pacientes receberem as recomendações para evitar contaminações como uso de máscara, higienização das mãos, uso de preservativos, visto que a doença tem maior transmissão por contato íntimo”.

Itapecerica da Serra

A Autarquia Municipal de Saúde de Itapecerica da Serra informou que foram confirmados três casos de Monkeypox, conhecida como varíola do macaco, no município. Os pacientes foram atendidos e diagnosticados no PS Central.

Outros seis casos suspeitos estão sob investigação, aguardando resultado de testes e exames laboratoriais. Todos os pacientes, mesmo os com casos suspeitos da doenaça seguem em isolamento.

O médico Milton Parron Júnior, responsável pela Vigilância Epidemiológica e a Coordenadora Técnica Wanessa Gerona, reuniram-se com todos os diretores dos serviços de saúde de Itapecerica de Serra, para instruí-los sobre manejo clínico, fluxos e procedimentos diante de novos casos.

Mais casos na região

A secretaria de saúde do Estado de São Paulo confirmou ainda outros casos na região. Em Embu das Artes já foram registrados três pacientes diagnosticados com a doença e Embu-Guaçu registrou até o momento um caso da varíola do macaco.

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS