4 de julho de 2022 - 13:11

HomeESTADOPolítica: TRE cassa chapa Ney Santos e Hugo Prado e Embu das...

Política: TRE cassa chapa Ney Santos e Hugo Prado e Embu das Artes pode ter nova eleição

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou na  terça-feira (19) a chapa de Ney Santos e Hugo Prado que saiu vitoriosa na eleição municipal de 2020 em Embu das Artes, na região sudoeste da Grande São Paulo. Por seis votos a um, eles foram condenados por “abuso de poder econômico”. A decisão ainda cabe recurso.

Com a decisão do TRE, Ney Santos terá que deixar o cargo, ficando inelegível por oito anos. O vice-prefeito de Embu das Artes, Hugo Prado, também perde o cargo, mas o colegiado não cassou seus direitos políticos. As informações foram divulgadas pelo “Portal O Taboanense”.

Na tarde desta quarta-feira (20) a reportagem da Gazeta questionou a prefeitura se Ney Santos já havia deixado o cargo. Até o fechamento desta matéria a Administração não se manifestou.K

Novo prefeito

Diante da decisão, quem deverá assumir a prefeitura é o presidente da Câmara Municipal, o vereador Renato Oliveira, até que sejam realizadas eleições complementares na cidade, que ainda não tem data para acontecer.

Ney Santos foi acusado pelo juiz eleitoral de Embu das Artes Gustavo Sauaia Romero Fernandes, em dezembro de 2020, de realizar campanha antecipada através da distribuição de um jornal de “prestação de contas”. O TRE aceitou a denúncia por 6 a 1.

O prefeito Ney Santos tenta agora uma liminar para continuar no cargo até o julgamento do seu recursos no Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília. Em nota, Santos disse que “estamos sendo afastados por sermos transparentes fazendo uma comunicação adequada ao nosso povo”.

Leia na íntegra a nota do prefeito Ney Santos

“Venho através desta informar que acabamos de sofrer mais uma injustiça no julgamento feito pelo TRE-SP.

O motivo do julgamento foi UMA REVISTA DE PRESTAÇÃO DE CONTAS que foi feita para que a população pudesse acompanhar as obras, ações, programas e projetos que estávamos desempenhando na prefeitura. Isso mesmo! Estamos sendo afastados por sermos transparentes fazendo uma comunicação adequada ao nosso povo.

Quero deixar todos tranquilos, pois da mesma forma que vencemos das outras vezes, iremos recorrer e vamos terminar o mandato que Deus e o povo nos concedeu.

Ganhamos as eleições com o TRIPLO de VOTOS dos nossos adversários, mas eles não desistem de tentar induzir ao erro o judiciário.

Mas acreditamos na justiça e em um Deus que está sobre todas as coisas.

Embu das Artes não vai parar de crescer, e não desistiremos da luta pelo nosso povo”.

Veja como foi a sessão plenária do TRE que cassou a chapa Ney Santos / Hugo Prado

 

Diário do Ribeira / Gazeta SP

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS