5 de julho de 2022 - 01:01

HomeDESTAQUES DO DIAIlha Comprida é o destino escolhido durante 'saidinha' de ex-PM condenado por...

Ilha Comprida é o destino escolhido durante ‘saidinha’ de ex-PM condenado por assassinato

Cerca de 38 mil detentos foram liberados para uma ‘saidinha’ no próximo dia 15 de março.

Dentre eles, está o policial militar aposentado Mizael Bispo de Souza, de 52 anos, acusado pelo assassinato da ex-namorada no ano de 2010. Seu nome ocupa o o 82º na lista de 113 presos autorizados pela Justiça a deixar a Penitenciária 2 de Tremembé (SP).

Em todo o estado devem ser beneficiados cerca de 38 mil detentos.

Mizael relatou que vai aproveitar a saidinha para pegar uma praia na Ilha Comprida e deve se instalar no Balneário Britânia, a 350 metros da avenida Beira-Mar.

Crime e condenação

O policial militar foi condenado a 21 anos e 3 meses pelo assassinato da ex-namorada, a advogada Mércia Nakashima, 28. Ela foi vista com vida pela última vez em 23 de maio de 2010, na casa de parentes, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

O corpo de Mércia foi encontrado em 11 de junho de 2010 dentro do veículo dela, um Honda Fit prata, nos fundos da represa Atibainha, em Nazaré Paulista.

Segundo a Polícia Civil, Mizael atirou na vítima quando ela estava dentro do carro. Ela morreu afogada. Um pescador flagrou o crime.

Mércia e Mizael eram sócios em um escritório de advocacia. Eles namoraram durante quatro anos e terminaram o relacionamento em setembro de 2009.

As investigações da Polícia Civil concluíram que o policial militar reformado matou a jovem porque ela terminou o namoro.

 

Diário do Ribeira

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS