17 de maio de 2022 - 02:11

HomeDESTAQUES DO DIAProfissionais da Assistência Social de Iguape recebem capacitação sobre população em situação...

Profissionais da Assistência Social de Iguape recebem capacitação sobre população em situação de rua

A Prefeitura de Iguape ofereceu aos profissionais do município uma capacitação sobre população em situação de rua.

A primeira etapa ocorreu nos dias 25 e 26 de novembro e foi destinada aos profissionais da Assistência Social, sendo a capacitação ministrada pelo psicólogo e professor universitário Célio Vanderlei Moraes, que também visitou os equipamentos sociais da Assistência Social e manteve contatos com profissionais e com alguns moradores de rua.

A conclusão inicial foi que esta política não dará conta da demanda sozinha, tendo que ter como pressupostos a garantia de direitos, a realização de um trabalho permanente, o estabelecimento de vínculos e a integração com as demais políticas e com a sociedade civil.

A segunda etapa da capacitação ocorreu no dia 10 de dezembro, também coordenada pelo professor Célio Moraes  e que envolveu, além da Assistência Social, outras áreas como Educação, Saúde, Esporte, Fiscalização, Cultura, Fundo Social de Solidariedade e segmentos da sociedade civil com a participação de pastores de igrejas evangélicas, membros da Fazenda Esperança e de entidades socioassistenciais que puderam conhecer um pouco da realidade da população em situação de rua

A Diretora do Departamento de Assistência e Promoção Social, Virginia Cardoso fez a abertura da capacitação e, logo em seguida, a Assistente Social Ketlin Silva Aguiar que atua no Serviço de Média Complexidade no referido Departamento, apresentou os dados como procedência, faixa etária, sexo, escolaridade, tempo de permanência nas ruas, uso de álcool/drogas, enfermidades sobre os moradores em situação de rua.

O professor Célio Moraes expôs conteúdos em que destacou a importância da integração das ações envolvendo todas as políticas e a sociedade civil e propôs a elaboração de um Plano de Atenção Intersetorializada à População em situação de rua, cujo objetivo é alinhar entendimentos e definir responsabilidade em relação a esta população, garantindo assim os seus direitos.

Durante as atividades foram organizados três grupos que debateram propostas com relação a diversas questões, como: quem são e como vivem as pessoas em situação de rua em Iguape; o fortalecimento da rede Intersetorial e a construção de fluxograma de atendimento e protocolo integrado.

As propostas foram apresentadas na plenária e aprovadas pelos presentes que apontaram ações voltadas para esta população, sendo, ainda, aprovada uma nova reunião para o mês de janeiro, ocasião em que os setores irão apresentar seus protocolos e ações que poderão realizar junto a esta população.

*Com informações da Prefeitura de Iguape

 

Diário do Ribeira

 

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS