5 de dezembro de 2021 - 05:32

HomeDESTAQUES DO DIAGoverno de SP divulga 'Ranking' de cobertura vacinal; acompanhe os índices no...

Governo de SP divulga ‘Ranking’ de cobertura vacinal; acompanhe os índices no Vale do Ribeira

O Governo de São Paulo lançou nesta quarta-feira (27) um “ranking” da cobertura vacinal completa contra Covid-19 por município. Cinco cidades localizadas nas regiões de Bauru e São José do Rio Preto já ultrapassaram a meta da campanha.

O primeiro lugar é ocupado por Uru, da região de Bauru, já tem mais de 96% de seus adultos completamente imunizados. Na sequência, aparecem respectivamente Adolfo, Turmalina, e Dolcinópolis, todas da região de São José do Rio Preto e com mais de 92% de cobertura. Parisi, também desta região, tem 91%.

O percentual é calculado em função da estimativa populacional e do total de pessoas que já concluíram o esquema vacinal indicado nas bulas dos fabricantes dos imunizantes e pelo PNI (Programa Nacional de Imunizações), conforme dados reportados pelos próprios municípios na plataforma estadual VaciVida.

No Vale do Ribeira, a Ilha Comprida é a primeira cidade a constar no ranking, ocupando o 84º lugar, cujo esquema vacinal completo alcança os 77,70%. Desta forma, dos seus 11.362 habitantes, 8.828 estão imunizados.

Pariquera-Açu aparece em seguida, ocupando o 244º lugar, com 70,65% de cobertura. Dos 19.723 habitantes do município 13.934 já receberam as duas doses da vacina. Cajati ocupa o 357º lugar (67,78%), com 19.312 dos 28.494 habitantes imunizados. Registro já vacinou 38.129 de seus 56.393 habitantes (67,61%), ocupando o 364º lugar; Cananéia vacinou completamente 8. 428 de seus 12.541 de sua população, o equivalente a 67,20%, com a 382 ª ocupação no ranking. Mais abaixo está Iguape, em 453º lugar com 20.223 pessoas de uma população de 30.989 imunizadas (65, 26%).

Confira lista completa clicando aqui, acessando o ícone “Esquema Vacinal Completo”.

“Parabenizamos esses municípios por atingirem a meta da campanha entre adultos e seguimos contando com a mobilização de todas as 645 cidades para proteger a população da Covid-19”, disse a coordenadora geral do PEI (Plano Estadual de Imunização), Regiane de Paula.

Os dados de vacinação são obtidos a partir dos registros feitos pelas cidades no VaciVida, sistema que deve ser atualizado preferencialmente no mesmo dia da aplicação da segunda dose, uma vez que a falta de cadastro em tempo oportuno pelos municípios no sistema impacta na visualização adequada dos dados pelo PEI.

 

Diário do Ribeira

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS