23 de outubro de 2021 - 10:24

HomeDESTAQUES DO DIAMulher desaparecida no litoral paulista é encontrada morta e concretada em construção

Mulher desaparecida no litoral paulista é encontrada morta e concretada em construção

O corpo de Joice Maria da Glória Rodrigues, de 25 anos, que estava desaparecida desde o dia 27 de setembro, foi encontrado nesta terça-feira (5). Segundo a Polícia Civil, a mulher foi encontrada concretada em uma parede dentro de uma obra em construção em São Vicente.

Suspeito de ter participado do crime, um pedreiro foi preso e levado a delegacia, em Santos, também na tarde desta terça.

Durante as investigações, o homem responsável pela obra também foi indagado e disse que a jovem desaparecida comparecia ali esporadicamente para falar com o pedreiro, mas que não sabia do seu paradeiro.

O local foi vistoriado, sendo encontrados pinos plásticos vazios, comumente usados para acondicionar “cocaína”, além de uma sacola com calcinhas na parte superior da edificação em construção, os quais foram apreendidos.

Os policiais indagaram ao proprietário sobre áreas recém concretadas ou frescas existentes na obra, ao que ele inicialmente disse que não havia. Entretanto, nesta terça-feira, pensando sobre a possibilidade levantada pelos policiais, o proprietário da obra notou que no banheiro do piso térreo, embaixo da escada, havia sido fechado o vão da escada, com acabamento mal feito, e por isso ali golpeou uma vez e logo sentiu o forte odor de putrefação.

Os policiais civis então se dirigiram ao local e derrubaram parte da parede e constataram a existência de corpo do sexo feminino, o qual foi retirado da edificação em que era ocultado com auxílio do Corpo de Bombeiros. O corpo da vítima estava nu, com uma camiseta preta enrolada no pescoço.

Imediatamente os policiais se dirigiram à residência do pedreiro e ali o localizaram e efetuaram sua prisão em flagrante pelo crime de ocultação de cadáver, sendo que ele confessou ter matado a vítima estrangulada com uma camiseta depois de ter mantido relações sexuais com ela, sendo também proferida voz de prisão por esse crime.

Segundo a Polícia, o suspeito confessou participação no homicídio e afirmou que uma segunda pessoa teria envolvimento no caso. Este segundo suspeito foi também foi preso e está prestando depoimento às autocriadas policiais.

A obra onde o corpo de Joice foi encontrado está situada na Rua Lúcio Bittencourt, no bairro Esplanada dos Barreiros.

 

Desaparecida

A mulher foi vista pela última vez no dia 27 de setembro após ter ido visitar o avô na Vila Margarida. O último contato com os familiares ocorreu no mesmo dia, por volta das 21 horas, quando informou ao marido que estava esperando transporte no ponto de ônibus. Joice ainda pediu para o marido esperá-la no ponto perto da casa onde moravam. 20 minutos depois, o marido retornou a ligação, mas já não conseguiu falar com a esposa. Por volta das 22 horas, já preocupados, seus familiares começaram a buscar a mulher em todos os pontos de ônibus entre a Ponte dos Barreiros e a Praça da Santa, sem sucesso.

 

Diário do Ribeira

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS