23 de outubro de 2021 - 12:00

HomeLITORALPolícia detém adolescente suspeito de matar a mãe enquanto ela dormia

Polícia detém adolescente suspeito de matar a mãe enquanto ela dormia

Policiais da 3ª Delegacia de Investigações Sobre Homicídios da DEIC prenderam, na noite de terça-feira (6), um adolescente de 16 anos apontado pela investigação como responsável pela morte de sua mãe, Maria das Graças Gomes de Souza, de 49 anos, ocorrido na manhã desta quarta-feira (7), no bairro Trevo, em Praia Grande.

A investigação teve início assim que a delegacia especializada foi informada da morte violenta de uma mulher. A equipe deslocou-se ao local e constatou a morte da vítima, a qual foi atacada com instrumento contundente enquanto dormia.

Os policiais civis fizeram uma ronda pela região e descobriram que o filho da vítima saiu da residência após golpear sua mãe, causando sua morte. Após o crime, o adolescente colocou o instrumento do crime e sua camiseta da escola, que estavam sujos de sangue, dentro de uma sacola e jogou-a em um córrego próximo a residência.

Os bombeiros foram acionados para recuperar essa sacola, mas não localizaram o objeto. Em continuidade as investigações, os policiais civis indagaram o adolescente sobre o que teria ocorrido.

Inicialmente ele disse que havia saído para caminhar logo cedo e quando retornou encontrou o portão destrancado, sendo atacado pelo cachorro da família, alegando que isso teria machucado seu rosto.

As lesões no rosto do adolescente eram características de lesões de defesa produzidas pela unha da vítima. Constatada a incongruência das alegações, o adolescente confessou aos policiais civis que teve um surto psicótico e após retomar a consciência, viu que havia matado sua genitora e, por isso, decidiu livrar-se dos objetos sujos de sangue.

Demais exames periciais e papiloscópicos foram realizados, confirmando a autoria do crime de feminicídio. Lavrados os procedimentos referentes à apreensão de adolescente por ato infracional análogo ao crime de homicídio qualificado, o menor foi encaminhado à Fundação Casa.

 

Diário do Ribeira/Gazeta SP

Foto: Polícia Civil

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS