16 de agosto de 2022 - 22:12

HomeDESTAQUES DO DIAApós Governo de SP dizer que Ilha tinha 900 doses guardadas,...

Após Governo de SP dizer que Ilha tinha 900 doses guardadas, prefeitura faz mutirão

Depois de o Governo de São Paulo informar à Reportagem, na última sexta-feira (18), que o município de Ilha Comprida possuía 900 doses da vacina contra a covid-19 em estoque, a prefeitura decidiu realizar um mutirão de vacinação no último sábado (19).

Ao menos, 300 pessoas receberam a dose da vacina e o município passou de 6.100 para 6.476 aplicações em 24 horas.

“Eu tinha feito o cadastro na segunda (14) sem previsão para tomar. Depois da reportagem, na sexta (18), me chamaram pra receber. Já estou vacinada”, disse Tereza Maria.

Neste domingo (20), a Administração Municipal publicou nota destacando a cidade no ranking de aplicação do governo do Estado.

“A rapidez entre o recebimento do estoque de vacinas e a aplicação no público prioritário tem sido marca da vacinação Covid-19 na Ilha. Tanto é que o ranking de aplicação por distribuição das vacinas , do Plano Estadual de Imunização , coloca o município em 245º lugar entre as 645 cidades do Estado”, diz o texto.

A vacinação prossegue nesta segunda (21) para o público alvo entre 50 e 59 anos. A orientação da prefeitura é que as pessoas nessa faixa etária procurem os postos de saúde mais próximos de casa para agendar a data de aplicação.

De acordo com e-mail da secretaria estadual da Saúde, Ilha Comprida pode ter ainda quase 500 doses em estoque, já que o balneário turístico recebeu até agora 6,9 mil doses e aplicou 6.476.

A prefeitura é alvo de uma ação pelo Ministério Público que está investigando o motivo de a cidade não ter seguido o calendário estadual por quase toda a campanha. O e-mail da SES enviado à Reportagem deve ser anexado ao processo.

 

Diário do Ribeira

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS