20 de junho de 2021 - 07:33

HomeESTADOSerrana: Vacinação em adultos também protege adolescentes não vacinados

Serrana: Vacinação em adultos também protege adolescentes não vacinados

O governador João Doria (PSDB) divulgou nesta segunda-feira os resultados do programa coordenado pelo Instituto Butantan para vacinar a população adulta do município de Serrana contra o coronavírus. Com 95% dos habitantes acima de 18 anos protegidos pela CoronaVac, a pesquisa mostrou quedas significativas de 95% em mortes, 86% de internações e 80% em casos sintomáticos da Covid-19 na cidade da região de Ribeirão Preto. Além disso, o estudo mostrou que vacinação em adultos também protege adolescentes não vacinados

“O estudo indica também que, com 75% da população-alvo imunizada com as duas doses da vacina CoronaVac, a pandemia foi controlada em Serrana e isso pode se reproduzir em todo o Brasil”, afirmou Doria. “Os resultados demonstram de forma categórica o que poderia estar acontecendo no Brasil inteiro, não fosse o atraso na vacinação”, acrescentou ele.

A pesquisa foi iniciada em fevereiro com o objetivo de vacinar toda a população adulta da cidade (cerca de 27 mil pessoas) para avaliar o impacto da imunização na pandemia da Covid-19. A população total de Serrana é estimada em torno de 45 mil pessoas. Houve o ciclo de imunização com duas doses da vacina do Butantan, com intervalo de 28 dias entre a primeira e a segunda aplicação.

De acordo com o estudo, a vacinação protege tanto os adultos imunizados quanto crianças e adolescentes que não receberam a vacina. A imunização gerou uma espécie de cinturão imunológico em Serrana, reduzindo drasticamente a transmissão do coronavírus no município.

A incidência da Covid-19 em Serrana também despencou em comparação às cidades vizinhas. Enquanto a região apresenta alta nos casos da doença, Serrana manteve taxas baixas de contágio graças à vacinação. Mesmo com cerca de 10 mil moradores que transitam por outras cidades diariamente, Serrana alcançou um cenário de controle da pandemia.

“A vacina do Butantan é segura, eficaz, eficiente, de altíssima qualidade e contribui para prevenir o desenvolvimento da doença, complicações e óbitos entre os infectados. Agora também sabemos que ela provoca efeito benéfico em uma população inteira, protegendo tanto os vacinados quanto os não vacinados e reduzindo a circulação viral de forma expressiva”, afirmou Dimas Covas, diretor do Butantan.

Pelas redes sociais, mais tarde, Doria disse que o resultado do estudo em “é a resposta da ciência aos negacionistas e a todos que tentam desqualificar a vacina do Butantan com bravatas e fake news”.

 

Diário do Ribeira/Gazeta SP
Foto: EPTV

ULTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS RELACIONADAS