• Seja bem vindo ao Diário da Ribeira!
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Recorde de casos leva Tóquio a adotar alerta máximo contra covid-19

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Tóquio elevou seu alerta sobre o novo coronavírus (covid-19) para o nível máximo nesta quinta-feira (19), já que sua contagem diária de infecções novas alcançou o recorde de 534 e sua governadora pediu o máximo de cautela agora que as festas de final de ano se aproximam.

A contagem nacional do Japão também atingiu uma nova alta de 2.363, de acordo com a emissora pública NHK. Mas é a disseminação do vírus na metrópole de Tóquio, que espera sediar os Jogos Olímpicos remarcados para o ano que vem, que causa mais alarme.

“O número de casos de coronavírus está aumentando, então estamos estudando quais medidas serão necessárias tendo em vista que as infecções podem chegar a mil casos por dia”, disse a governadora de Tóquio, Yuriko Koike.

Ela disse que a quantidade de casos crescerá ainda mais devido ao aumento dos exames e enfatizou a necessidade de evitar a elevação do número de pacientes gravemente doentes.

O alerta mais alto de uma escala de quatro indica que “as infecções estão se disseminando” na comparação com o alerta anterior e segundo mais alto, “as infecções estão começando a se disseminar”.

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, disse que o governo está cogitando endurecer as diretrizes para se comer fora, como limitar sua iniciativa subsidiada “Vá Comer” a grupos de até quatro pessoas.

 

Diário do Ribeira/Agência Brasil

 

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DESTAQUES DO DIA

DESTAQUES DA SEMANA

Diego Maradona morre em casa aos 60 anos

O ex-jogador Diego Armando Maradona morreu nesta quarta-feira (25), aos 60 anos. O maior jogador da história do futebol argentino sofreu uma parada cardiorrespiratória em casa, em Tigre. Maradona havia recebido alta no dia 11

Leia Mais »