• Seja bem vindo ao Diário do Ribeira!
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

  • 8 de maio de 2021
  • 04:00

Doria diz que 120 mil doses da vacina contra a Covid-19 chegam em SP em 20 de novembro

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Em entrevista coletiva concedida na sede do Instituto Butantan, em São Paulo, o governador João Doria (PSDB) anunciou no início da tarde desta segunda-feira que as primeiras 120 mil doses da vacina Coronavac chegam da China a São Paulo no dia 20 de novembro. Segundo ele, até 30 de dezembro o Instituto Butantan receberá 6 milhões de doses.

“A Anvisa já havia autorizado, e agora as autoridades sanitárias da China também deram autorização para a importação pelo Instituto Butantan de 6 milhões de vacinas, sendo que as primeiras 120 mil doses chegam em 20 de novembro no aeroporto internacional de Guarulhos. As doses virão em lotes, e em até 30 de dezembro nós teremos as 6 milhões de vacinas em São Paulo”, disse o governador.

Ele também anunciou que chegarão insumos da vacina, “que representam mais 40 milhões de doses da vacina”.

Além disso, o tucano disse que o Instituto Butantan iniciou em 2 de novembro a construção de uma fábrica para a produção da vacina Coronavac, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, que será montada na própria sede do instituto.

Essa nova fábrica terá 10 mil metros quadrados de área e capacidade de produzir 100 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 por ano. A previsão do governo do Estado é que a fábrica comece a operar em setembro de 2021.

“Hoje é um dia histórico para São Paulo e para o Brasil com o início das obras dessa nova fábrica da vacina do Butantan contra a Covid-19, em conjunto com o laboratório Sinovac. É um passo fundamental que consolida ainda mais o Instituto Butantan e o Brasil na liderança mundial no desenvolvimento e inovação tecnológica para a produção de vacinas”, disse o governador.

 

Diário do Ribeira/Gazeta SP

 

 

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DESTAQUES DO DIA