• Seja bem vindo ao Diário da Ribeira!
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Vale do Ribeira receberá temporada de teatro com bonecos em versão online gratuita

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

As cidades de Apiaí, Cajati, Registro, Ilha Comprida, Miracatu, Iporanga, Sete Barras e Cananéia receberão entre os dias 21 de setembro a 17 de outubro, o Espetáculo Teatral Histórias do avô do bisavô de Agripino.

O projeto, que foi premiado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo) em 2019, se apresenta num formato de peça teatral online com duração de 50 minutos e classificação livre. Ele reúne interpretação de atores e manipulação de bonecos e trata-se da primeira peça criada e montada de forma independente pela Giralua Companhia de Artes (Bertioga), completando 20 anos em 2020 com centenas de apresentações na bagagem.

A adaptação para a transmissão virtual e não presencial, como estava previsto, se deu por conta da situação emergencial decorrente da pandemia. “A apresentação online é cenicamente igual ao teatro de palco, com a cenografia, os elementos de cena e a teatralidade dos atores e a dramaturgia na íntegra”, detalha Val de Castro, atriz e produtora do grupo. “O registro da apresentação feito por uma produtora audiovisual promove a qualidade da transmissão. Assim, a expectativa é que todos sintam a emoção que o teatro popular proporciona com seu universo fabulatório”, completa.

O evento ganhou apoio das Prefeituras e Secretarias de Cultura e Educação das 8 cidades parceiras do Vale do Ribeira e, apresentará além do espetáculo “Histórias do avô do bisavô de Agripino”, as oficinas de artes plásticas “Madonas de Barro”, para o público adulto e “Marcenaria Lúdica – Brinquedos de madeira” para crianças e família. No campo da oralidade e narração de histórias, será oferecida ainda a oficina “Era uma vez, onde foi, onde não foi?”.

O link para assistir à peça Histórias do avô do bisavô de Agripino no canal da Giralua Companhia de Artes no Youtube (https://bit.ly/2Zo1NVQ), será disponibilizado ao público através das Secretarias de Cultura e Educação de cada cidade.

Na semana de 11 a 17 de outubro, o link estará aberto no Youtube em modo público, acessível a todos do imenso território virtual. Também neste período, o vídeo do espetáculo será veiculado nas redes sociais da Giralua e das oito cidades contempladas. A expectativa da companhia teatral é promover uma ampla troca cultural em homenagem à cultura popular brasileira.

 Sinopse do espetáculo: Agripino e Bastiana têm muitos causos e anedotas na memória, histórias ouvidas desde o tempo do tataravô. O divertido contador de histórias cabeludas tem umas contas antigas para acertar com o Curupira e planeja capturar o travesso Saci Pererê.

A referência de pesquisa vem das obras de Câmara Cascudo, Ricardo Azevedo, Raul Bopp, Mario de Andrade, Silvio Romero e Henriqueta Lisboa, além de coletâneas de pesquisa sobre a cultura miscigenada do povo brasileiro e, ainda, da dramaturgia originada das vivências, escutas, observações e experiências dos artistas em suas andanças pelo interior paulista. É um convite para toda família adentrar nas histórias do casal Agripino e Dona Bastiana dos Remédios, relembrar outros tempos e se divertir com as invencionices das narrativas orais do povo brasileiro.

 

Diário do Ribeira

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DESTAQUES DO DIA