• Seja bem vindo ao Diário da Ribeira!
  • Seja bem vindo ao Diário do Ribeira!
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Justiça determina que Registro retroceda para Alerta Máximo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Contrariando as orientações do Governo do Estado, sobre o rebaixamento para a fase vermelha no Plano São Paulo, o prefeito Gilson Fantin autorizou, no início desta semana, a reabertura do comércio não essencial na cidade, desobedecendo recomendação dada pelo Ministério Público.

No início da tarde desta quinta-feria, como já era esperado , a Prefeitura de Registro emitiu nota onde informa que acatou decisão judicial que determina o retrocesso do município para  a Fase 1 – Vermelha ou Fase de Alerta Máximo na flexibilização das atividades comerciais e a partir desta sexta-feira, 26 de junho, podem funcionar apenas os estabelecimentos e serviços essenciais.

A medida tem como base critérios técnicos que apontaram crescimento na situação da pandemia na cidade.

“Uma decisão difícil, mas necessária neste momento. Não medimos esforços para nos manter na fase de cor laranja do Plano São Paulo, recorremos, porém a conclusão final não foi favorável ao município” declarou o prefeito Gilson Fantin.

Com isso, voltam a vigorar a regras anteriores à flexibilização em que ficam autorizados a funcionar somente os estabelecimentos e serviços considerados essenciais.

Novo Decreto Municipal será publicado ainda hoje no Diário Oficial Eletrônico do Município.

 

Diário do Ribeira

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DESTAQUES DO DIA